• iniciacaoaojornali

ETEC-Embu: mudanças causam polêmicas

A ETEC de Embu fez mudanças na sua grade curricular que gerou críticas por parte de professores e dúvidas quanto a sua eficácia para preparação para vestibulares.



Nicolas Vaz e Júlia Moreira



[Reprodução/Centro Paula Souza]



Com 221 unidades e mais de 100 opções de cursos, as ETECs (Escolas Técnicas Estaduais) de São Paulo abrem inscrições para vestibular em cursos técnicos, ensino médio e a mais recente modalidade de ensino, o Novotec, versão que permite o aluno ter matérias técnicas do durante o ensino médio, mas sem a necessidade de ser em período integral . Entretanto, a pergunta que fica é: ainda vale a pena estudar nas ETECs?


Desde a implementação do Centro Estadual de Educação Tecnológica de São Paulo, idealizado pelo professor Paula Souza, as ETECs passaram a ser referência nos parâmetros educacionais do estado de São Paulo.


Segundo dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), as unidades possuem boas posições entre as melhores escolas públicas do estado. A ETEC de Embu das Artes é um exemplo. Com média 605 no ENEM, a escola tem destaque na inserção de alunos nas universidades do país. Mas, apesar da posição, a realidade educacional destoa da expectativa, uma vez que a unidade sofre com recorrentes problemas relacionados aos próprios cursos oferecidos.


É importante ressaltar que a precariedade da unidade afere a qualidade de ensino dos estudantes e o seu próprio bem-estar. “A ETEC de Embu carece de infraestrutura e de organização interna e externa. Além disso, nem todos aqueles que integram o corpo docente são muito bem qualificados para exercer o cargo”, conta Matheus Santos, ex-estudante do Ensino Médio Integral ao Técnico em Administração (ETIM-ADM).


A implementação do novo modelo de ensino, o chamado “Novotec” – modalidade que visa proporcionar a junção do ensino regular com o técnico com menor carga horária - fez com que a ETEC de Embu deixasse de ofertar vagas para o ensino médio integrado ao técnico (ETIM), bem como o Regular.


Segundo a unidade, a imposição da retirada dos cursos foi a escola não ter uma cozinha própria e dificultar a distribuição de almoço para os estudantes que estavam em período integral.


Ao questionar os alunos, que atualmente cursam as modalidades oferecidas na unidade, se escolheriam o ETIM ou o Regular caso tivessem a oportunidade, a maioria disse que sim, uma vez que a grade de ensino comum não seria prejudicada. É o que diz João Victor, estudante do 3º Novotec-ADM: “O curso é ótimo pra quem quer focar no que escolheu, porque o Novotec tira boa parte das matérias da base comum e coloca as do curso. O que prejudica quem quer passar no vestibular no último ano.”


Para Fabíola, ex-professora de biologia da ETEC-Embu, essa mudança também afeta os professores que terão que buscar outras unidades para repor a carga horária reduzida, uma vez que o salário dos docentes é contabilizado pelas horas trabalhadas. "Para continuar recebendo o mesmo valor (já que as contas e boletos não reduzem), o professor terá que procurar aulas disponíveis em outras unidades escolares ou períodos, causando ainda mais desgaste em sua vida cotidiana por ter que ficar se deslocando para diferentes ETECs"


Ela ainda diz que, "No caso da disciplina de Biologia, área em que atuo, o fato de não tê-la no terceiro ano influencia diretamente no desenvolvimento dos alunos, pois, os conhecimentos devem ser revisitados, assimilados e reconstruídos constantemente para se estabelecerem no sistema cognitivo."


Com ambos os cursos de maior concorrência e melhor desempenho nos vestibulares fora do catálogo, a impressão que passa é que há mais preocupação em tentar reduzir os custos operacionais, do que na real capacitação dos estudantes. Mesmo assim, é inegável as oportunidades que são oferecidas devido à abordagem técnica que, apesar de carecerem de melhorias, ainda são referência nos parâmetros educacionais do Estado.

As inscrições para o Vestibulinho estarão abertas até o dia 19 de Outubro através do site: https://www.vestibulinhoetec.com.br/home/


24 visualizações0 comentário